terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Marcação cerrada da oposição incomoda prefeito de Pedras de Fogo que acusa deputado de promover agressões contra ele

@CorreioDebate10

A rodada de entrevistas com prefeitos da Paraíba realizada pelo Programa Correio Debate da rádio 98 FM, da Rede Correio Sat tem apresentado prefeitos que apresentam uma preocupação muito mais com a oposição do que com as funções que ocupam enquanto gestores dos recursos públicos.

A choradeira é grande por parte dos prefeitos que dizem não suportarem tanta cobrança da oposição em seus municípios.

Nesta terça-feira (13) o prefeito de Pedras de Fogo, Derivaldo Romão dos Santos (PSB), conhecido como Dedé, reclamou da oposição cerrada feita pelo seu principal adversário, o Deputado Federal Manoel Junior (PMDB).

Dedé acusou Manoel Junior de perder a compostura e fazer acusações e usando palavras de baixo calão contra ele fruto do seu desespero pela derrota política que vem sofrendo dentro do município de Pedras de Fogo.

O Prefeito Derivaldo não poupou nem sequer a vereadora Isabela Maroja, esposa do Deputado Manoel Junior, que tem feito oposição a seu governo na Câmara Municipal.

Para completar o leque de reclamações do prefeito, o mesmo afirmou que Manoel Junior nunca destinou uma emenda parlamentar para a cidade de Pedras de Fogo durante o período em que ele é prefeito e disse que está constituindo um advogado para acioná-lo na justiça contra as calúnias e difamações que ele tem proferido contra ele e seu governo.

Fonte: ExpressoPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário